segunda-feira, 22 de setembro de 2008

NOTA BREVE!

DESPEDIDA!


"POR UM MUNDO MELHOR" faz hoje a sua despedida. Estivemos na blogosfera apenas uma meia dúzia de meses mas valeu a pena. Mas hoje resolvemos tomar a decisão de pararmos. O "tempo" que este espaço nos tem exigido tem-nos roubado "tempo" que precisamos para investir noutros projectos. Obrigado a todos os que nos foram visitando e começaram por aqui a criar raízes. No entanto, não deixaremos de "viajar" de quando em vez pelos blogues amigos que fomos encontrando e se tornaram referência para nós.

MENSAGEM FINAL:

Seja a nossa vida um vitral de muitas cores que recebe e dá LUZ.

E, ainda, recordando Gandhi:


Não há um caminho para a paz.
A paz é o caminho
.

CARPE DIEM!

36 comentários:

Fátima André disse...

Amigo Raul,

Uma nota de tristeza por te ver partir.
Os laços que vamos criando enriquecem-nos interiormente e doi quando as pessoas partem.
Ao mesmo tempo sinto uma alegria imensa por saber que tens outros projectos que te enchem interiormente e contribuem para a tua felicidade e daqueles que te estão próximos.
Segue o teu caminho e sê muito feliz!

Um cordial abraço n'Aquele que é o nosso mestre e melhor amigo.

Anabela Magalhães disse...

Espero que não seja um adeus.
Espero que seja um até breve tal como a mim me aconteceu já. Parei sem saber se era um parar definitivo. Retomei.
Se precisares de alguma coisa avisa.
Sabes onde estou e sabes que podes contar comigo.
Fica bem, tu e os teus
Beijocas Grandes
AH! E fiquei cheia de orgulho por escolheres a minha janela com vistas para o meu monte. Para mim significa que não fechas a porta. :)

BC disse...

Raul,meu amigo virtual,
Chegámos no mesmo mês, do mesmo ano (coincidências).Percorremos caminhos semelhantes, fomos bons vizinhos (diria mais, vizinhos do lado),chegaram mais vizinhos, mais, e mais e de poucos tornámo-nos muitos, e a "CIDADE DOS AFECTOS" foi crescendo, sempre com os mesmos propósitos, ajudar os outros, dizer palavras que chegassem longe.
Da Cidade, fomos parar a uma "TRIBO".
E agora uma despedida, que dói, dói mesmo, nunca gostei de despedidas, e agora compreendo quando precisei de parar, o quanto me custou.
Mas, com palavras chegámos e com as minha palavras te quero dizer
adeus.
Dois excertos de um poema que tu conheces, só poderiam ser as minhas palavras porque por isso batalhei durante este tempo.

Como se misturam,
o querer ficar,
o querer ir,
é um misto de querer
e não querer,
de ir e de ficar......

São momentos,
são instantes,
mas desses momentos,
desses instantes,
Faz-se vida!!!
E, CARPE DIEM RAUL.....

PS. Espero que um dia ainda possamos todos tomar um cafézito!!!

Existente Instante disse...

Está bem! Sem pena Raul, porque só partias se eu deixasse e eu não deixo. As pessoas que me marcam são sempre pontos de chegada mesmo na partida. Ancoram com tanta força no cais dos meus afectos, que acabam por ganhar raízes. Barcos com raízes, barco com raiz "Por um Mundo Melhor", com capitão de proa o Raul.
Por isso vai, Raul, vai mesmo "andarilho do caraças" de um mundo que amas e tocas franciscanamente. Continua a romper-te para aí em Humanidade feita gente, continua essa tua caminhada de queres "ser quase um bom Professor" como diria o Sebastião da Gama.
E há coisas do arco-da-velha! Ontem tinha acabado de fazer uma "brincadeira" para Ti e a Tua através D'Eles, essência mor da tua vida.
Porque Raul , tudo isto é uma questão de Olhares, e tu és desses que ainda o consegues manter puro e cristalino como primeiro orvalho matinal. Percebes o que escrevo quando vires a postagem no meu blogue e a "brincadeira que nela fiz.
Tens o meu mail e o café lá se arranjará! Depois, nesses areais de Espinho , ou Póvoa, ou Foz de Inverno, nesse Palácio encantado de Cristal hei-de encontrar-te, porque conheço-te!
Um pedido: Não apagues já o teu blogue, se disso tiveres a ideia. Deixa uns tempos para reeleituras, afagos de memória, okay?
Um enorme abraço e o melhor de tudo para o grande esteio da tua vide -a Tua esposa e que a "Pipoca" estale cada vez mais vida e o J de Jota se torne grande, terno e promissor de futuro.
Carpe Diem, Raul. E que Ele, proteja a tua Vinha!
Ah! Esquecia-me: aí vai a tua avaliação docente: Gostava que os meus filhos fossem teus alunos! Já mo disseram! Deves ser um "prof" do caraças!

Fernando Vasconcelos disse...

Raul,
Como tenho a certeza que não será um adeus, mas um até breve, e como tenho a certeza absoluta que será para empregares (ainda) melhor o tempo que dedicavas a este maravilhoso espaço creio que não há lugar a tristezas.
Espero continuar a encontrar-te por aí na blogosfera e quem sabe se um dia pessoalmente.
Grande abraço
Fernando
PS: Tal como o Existente Instante creio que o maior elogio que te poderia fazer é que gostaria que o meu filho fosse teu aluno.

f@ disse...

Des pedido de um tempo...' pena que ainda agora tinha começado a vir aqui... Mas o tempo sempre nos falta... e as + de mil coisas que queremos ou precisamos fazer obrigam a fazer escolhas... entendo bem...


A PAZ é o caminho ... QUE BEM PODIA SER MAIS CURTO SE O SER HUMANO ASSIM O QUISESSE...
TEMPO PARA A PAZ VOLTA RÁPIDO E BEIJINHOS DAS NUVENS

Teresa disse...

Só tenho um desejo ser o Gui... e tu sabes muito bem porque, Raúl.

Eu também nao te deixo ir! NAO! NAO! NAO! Por favor, deixa ficar o blogue, nao o apagues.

Eu sei bem que é rídiculo criar amizade a uma pessoa que nunca vi. Mas tu foste o MEU PRIMEIRO AMIGO virtual, seguido do ccz. e através deste blogue.

Ainda nao é um adeus... até breve.

CARPE DIEM!

besbertocharrua disse...

ai raul quia amandando cum xelique ágente né? a nha maria ca tá dum desconsolo caté xora ca perciza denviare as meias pó natal cáde arranjáre manêira. munte obrerigadíssimo da sua munte grande amizade. muntas felicidades cagente fica sempere á espera de notíças. muntes abracinhes pós meninos e pá senhora.

EMD disse...

Guardei o sorriso na memória... agora vou guardar o cantinho no coração.
E mesmo que encontre a entrada principal fechada, darei a volta ao edifício e entarei por uma janela ou por uma porta lateral, voltarei a sentar-me numa qualquer divisão para conversar consigo.
Para isso, amigo do sorriso fraterno, das palavras calorosas e do coração generoso, é preciso que não se apague...
Ora vá lá cuidar de outros jardins, mime bem essas outras flores. Leve o tempo que precisar... E quando puder ou lhe apetecer... volte. Ou não, que eu não me esqueço das suas palavras: "O aparecer é um direito que temos... não um dever".
E quando quiser, nós cá detrás da serra gostaremos de o receber para um cafezito ou algo mais.
Aproveite muito bem os seus dias.
Um abraço, extensivo à família linda.

CCz disse...

Até já.

BC disse...

Raul, não sei se vens aqui reler de vez em quando (eu fazia isso muitas vezes quando estive ausente)se o fizeres, passa pela minha cidade, está lá uma histórinha que gostava que lesses ok.
Abraços para todos vós

Anónimo disse...

Tenho já saudades e fico algo entristecida por esta decisão, embora a compreenda e reconheça que a justificação é pertinente. Que os projectos que ora se irão desenvolver, tenham os maiores sucessos. Desejo o mesmo tanto para a vida profissional como para a pessoal. Bem haja pelo que me (nos)foi proporcionando.
Albertina

Anónimo disse...

SÓ AGORA VI A DESPEDIDA E NÃO POSSO DEIXAR DE REGISTAR QUE LAMENTO. LAMENTO , MAS COMPREENDO. DESEJO TUDO DE BOM PARA O RAÚL E PARA TODOS OS QUE QUEREM MESMO MELHORAR O MUNDO.ATÉ SEMPRE
JANITA

Teresa disse...

QUE ALEGRIA, RAÚL!

Carpe Diem!

3za disse...

Vais sem ir... Partes sem partir... Essa tua luz nunca se apaga... Um dia o tempo vai voltar a ser mais nosso amigo... e mil canções se ouvirão de novo. :)
Até já, sim...
Abraço grande

CCz disse...

Raul leia isto:
.
http://paulocarvalhotecnologias.wordpress.com/2008/09/29/deformacao-«magalhaes»/

Paulo Lopes disse...

Esperei demasiado para me tornar assíduo frequentador deste blog. Agora que tinha feito as malas e até trazia um banquinho desdobrável para ir ficando por aqui, dou com a porta encostada. Encostada ainda bem, positivo, encostada significa que permite sempre ir entrando e até quem sabe alimento a esperança de voltar a vê-la abrir e fechar, provavelmente ao sabor da disponibilidade. Haja quem saiba para que raio se consome tanto tempo nestas andanças e com que finalidade. Espero que encontre em breve uma nova motivação e volte, até lá.... Carpe Diem...

P.S.: a minha porta vai ficando aberta, traga um banquinho.....

jeny disse...

que giro essa foi a minha frase de reflesao da aula feita por gandhi e é muito gira

João Reis Ribeiro disse...

Há uns tempos que não passava por cá e, de repente, confrontei-me com um "mundo melhor" que se vai. Espero que seja apenas um intervalo. Mas, se não for, já valeu pelo menos a pena pelas mensagens de luz que jorraram. Tudo de bom para o amigo virtual! E, como não tenho jeito para despedidas... um abraço.

EMD disse...

Ai saudadinhas desta paz!

Anónimo disse...

o que é mais importante do que "por um mundo melhor"?

Anabela Magalhães disse...

Passei para te desejar um excelente Natal, na companhia daqueles que amas!
Bj grande

EMD disse...

Eu também vim para desejar um Natal feliz, junto da linda família.

ematejoca disse...

_________________ ★
_________________Paz

________________União

_______________Alegrias

______________Esperanças

_____________Amor.Sucesso

____________Realizações★Luz

___________Respeito★Harmonia

__________Saúde★..Solidariedade

_________Felicidade ★...Humildade

________Confraternização ★…Pureza

_______Amizade ★Sabedoria★.Perdão

___Igualdade★Liberdade...Boa-sorte

FELIZ NATAL, Raúl!

AnaMar (pseudónimo) disse...

Uma mudança para outra morada?
Um "Fantabulástico" 2009.

(Só perdoo a ausência se aparecer):-D
Abraço.

BC disse...

HAPPY NEW YEAR AMIGO!
PARA TODA A FAMÍLIA...
BEIJOS
ISABEL

Anabela Magalhães disse...

Feliz 2009, Raul! Tudo de bom para ti e para os teus. :)
Beijinhos

EMD disse...

Bom Ano de 2009, à medida dos vossos sonhos.
Um abraço

EMD disse...

Obrigada, em nome da ESCM. Como sempre apreciámos a visita.
Um abraço

Raul Martins disse...

Não deixaremos de nos cruzar, Elsa.. aqui e alí.
.
Carpe diem!

Anabela Magalhães disse...

:) Sem dúvida... não deixaremos de nos cruzar.

gaivota disse...

venho agradecer sensibilizada, o abraço deixado no blogue da isabel, BC,e retribuir!
vai aparecendo, sempre
beijinhos

BC disse...

E para o Raul,

A Gaivota na praia se aninhou
a cotovia no beiral poisou
.................................

O sol chegara também
e em abraços fraternos
de braços abertos
................................

todos comemoravam
a chegada prevista de uma Primavera
já anunciada.
(excerto do poema Primavera)

Beijo cheio de flores e de sorrisos primaveris
Isabel

EMD disse...

Há tanto tempo não passo aqui, que não nos cruzamos.
Está tudo, bem por certo.
Um abraço

Raul Martins disse...

Apenas, mas com todo o carinho, um abraço de saudades para todos.
.
Carpe diem!

Raul Martins disse...

Voltei, de mansinho, sem grandes pretenções, e apenas porque sim.
.
Abraço tribal.
.
Carpe diem!