quinta-feira, 11 de setembro de 2008

LEMBRANDO O 11 DE SETEMBRO


Não há um caminho para a paz.
A paz é o caminho.
Mahatma Ghandi

9 comentários:

Teresa disse...

Uma máxima verdadeira do Mahatma Ghandi, que nao deixa, todavia, esquecer a tragédia do 11 de Setembro de 2001.
Estava em Portugal, quando no café da praia comecaram a aparecer as primeiras imagens na TV. Compreender o o que tinha acontecido só à noite, em casa.
Passado 7 anos ainda sinto arrepios ao pensar nesse dia.

Saudacoes de Düsseldorf para si, Raúl, e para a sua família.

conceição coelho disse...

Parabéns pela lembrança deste acto terrorista que deixou o MUNDO sem palavras.

Parabéns pela imagem que escolheste...um olho bem vivo e atento...

Beijinhos

Anabela Magalhães disse...

Com a tua licença, roubei-te o post!

Bjs

BC disse...

Propositadamente achei que não queria recordar, mas é inevitável,não lembrar do 11 de Setembro.
Lembro-me perfeitamente como se fosse hoje, estava no Alentejo. Uma da tarde, os telejornais começam a dar as primeiras noticías,em directo o mundo é abalado por um acto terrorista tão horrendo.
Marcou e ainda marca.
Nunca esqueceremos, embora tentemos.
Obrigada por nos teres acordado,para o que no fundo estava bem presente e esteve durante todo o dia,mas por vezes dá-nos vontade de adormecer alguns sentimentos!!!

RENARD disse...

Não esquecerei. E será uma coisa que contarei aos meus filhos e netos para que a história não se repita.

Saudações tribais Raul

EMD disse...

Estivemos em sintonia na lembrança. Mas a mensagem daqui foi bem mais positiva. É por este positivismo, por este ver a vida com olho optimista que gosto de tanto de cá voltar.
Um grande abraço... pela paz!

Paula Andrade disse...

Jamais esquecerei esse dia, estava no aeroporto Francisco Sá Carneiro para ver partir uns familiares para férias, começou-se a notar um movimento estranho, forças policiais diferentes do habitual, saí de lá sem nada saber, vou ao Centro Comercial e olha para a televisão e vejo as imagens, fico chocada...para sempre aquelas imagens vão ficar gravadas ma minha memória. Eu não sabia era que passados dois anos eu ía ter uma das maiores alegrias da minha vida, ía nascer a minha filha Beatriz. Quando soube que ela ía nascer nesse 11 de Setembro de 2003,confesso que não fiquei muito contente com a ideia, depois disse: "Paula fica feliz por Deus ter escolhido esse dia, pois vai nascer uma sementinha da paz."
Obrigada meu Deus.

Um abraço pela paz no mundo

Teresa disse...

Que comentário comovente deixou aqui a Paula Andrade, que foi
"directo ao coracao".
Desejo todas as felicidades deste mundo à sementinha de paz chamada
Beatriz.

Raul Martins disse...

É verdade, Teresa, um comentário comovente da Paula Andrade. Vou aproveitá-lo para post.
.
Obrigado por apareceres, Paula... e as "flores" do jardim, já choram menos?.
.
Marcou e ainda marca, é verdade, Isabel!E Renard, temos que contar aos nossos filhos, netos... para que saibam que não é por alí que construímos um mundo melhor.
.
Elsa, obrigado pelo incentivo.